Páginas

Seja um seguidor e receba nosso axé

Pesquisar assuntos deste blog

Leia também neste site

sábado, 28 de novembro de 2009

Influências Vibracionais Espirituais



Influências vibracionais

Somos, enquanto Essência, um ou uma Orixalá, um ou uma Ogum, um ou uma Oxossi, um ou uma Xangô, um ou uma Yorimá, um ou uma Yori, um ou uma Yemanjá, na sua polaridade positiva (masculino) ou na sua polaridade negativa (feminino). Mas, quando recebemos a dádiva de "viver" no Plano Físico, estes aspectos essenciais ficam adormecidos, pois a cada existência física temos como missão um determinado aprendizado, a partir de características específicas, com influência mais determinante de uma Vibração, mas dentro da perspectiva de Eterno Masculino ou Eterno Feminino. Assim, um Ser Espiritual, no Plano Físico, que em sua Essência é Oxossi, ao nascer, pode vir com a missão de aprendizado na Vibração de Yori. Isto fica mais claro quando examinamos um perfil sob o ponto de vista da Ciência da Astrologia.
Muitos não consideram a Astrologia no contexto da Umbanda, sugerindo alguns contos mitológicos, mas, fica difícil compreender como uma Entidade Espiritual percebida como elevada, "não baixa", quando outra Entidade de outra Vibração está presente. Bom, lendas são lembranças e não verdades...
Para referência prática, temos os Signos Zodiacais, onde cada um deles, indica qualidades específicas, equivalentes aos arquétipos de que Jung fala, isto é, o comportamento das pessoas, as características herdadas, que por sua vez fazem parte do inconsciente coletivo. Então, como arquétipos, os Signos, que traduzem vários pontos das Vibrações Originais, também existem em potencial dentro de cada um.
Assim, quando somos merecedores para "viver" no Plano Físico, estamos sob influência de inúmeras energias, que darão as características principais para o nosso desenvolvimento e evolução e algumas pistas de quem está próximo, a partir do Plano Espiritual.
A partir da Astrologia, examinando os Signos Zodiacais, cria-se a condição de identificar a Vibração Original, que está influenciando diretamente a atual jornada do indivíduo.
O Signo é definido pelo trânsito do Sol numa casa Zodiacal por um período aproximado de trinta dias. Portanto, o Signo do indivíduo é identificado pela sua data de nascimento.

O que determina o signo de uma pessoa, é o trânsito do Sol na casa zodiacal. Recomenda-se aos nativos dos dias limites dos signos, apurarem através de estudo astrológico, o horário de entrada do Sol na casa zodiacal, pois podem ocorrer pequenas variações. Por exemplo, um indivíduo que nasceu às 23:00 horas do dia 20 de março de 2003, não é do Signo de Peixes e sim, de Áries, pois o trânsito do Sol em Áries começou a partir das 22:00 do dia 20 de março

É importante que fique claro, que não é a hora, o dia, o mês e o ano que identificam o "estado atual do Ori", pois a referência de tempo e espaço, é relativa, pois por acaso habitamos um planeta que leva 24 horas para o movimento de rotação e 365 dias para o de translação. O que determina o nosso "estado atual do Ori", são as condições físicas do Cosmos no exato momento em que se dá o primeiro hausto (respiração ao nascer). Afinal, todas as coisas no universo que "conhecemos" estão em afinidade e equilíbrio. Assim, para nascer sob uma determinada condição, tudo já fora preparado para que acontecesse àquela hora exata. Entretanto, considerando a relatividade em que vivemos, pode-se utilizar do milenar conhecimento humano para ter a referência (local) de como o universo estava naquele exato momento em que se reencarnou, por isto, usa-se também a astrologia na Umbanda. Talvez, pela forma como é colocada, há uma certa desconfiança sobre a validade da astrologia ou mesmo o seu próprio questionamento na utilização, pois crença. Há de se convir que nada acontece por acaso: O ser espiritual que veio se aperfeiçoar e trazer algum sentido nesta jornada. Quando se vincula a Astrologia a Umbanda, procura-se, em primeiro lugar, a busca da Essência, assim a informação e o conhecimento sobre a posição do universo num dado momento, torna-se imperativo, pois as influências e movimentos daquele instante é que irão imprimir as características, necessidades e missão de cada um.

Axé a todos
Emidio de Ogum
http://espadadeogum.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não somos donos da verdade, mas sim contribuintes a boa divulgação dos ensinamentos da Umbanda, caso tenha algo para acrescentar ou corrigir envie para nós.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Leia o Blog e Ouça este lindo Hino dos Orixás

Histórias dos Mestres

Aqui nosso E Mail mande sugestôes - espadadeogum@gmail.com

Pai Oxalá

Jesus

Conselheiros dos Guerreiros do Axé

Conselheiros dos Guerreiros do Axé
Pai Leonardo e Pai Emidio de Ogum

Rubens Saraceni e Leo das Pedreiras

Rubens Saraceni e Leo das Pedreiras
Pai Leo das Pedreiras

Eterno Mestre

Eterno Mestre
Este senhor ensinou a humildade e nunca usar um dom para ganhar algo em troca.

Mais de 10 milhões de Visitantes - Que nosso Pai Ogum ilumine seus caminhos

Pomba Gira

Oração de São Francisco por Maria Bethania

São Francisco

Oração a São Francisco