Páginas

Seja um seguidor e receba nosso axé

Pesquisar assuntos deste blog

Leia também neste site

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

A Umbanda Sagrada do Caboclo 7 Encruzilhadas



A Umbanda Sagrada do Caboclo 7 Encruzilhadas

HISTÓRIA

A Umbanda Sagrada foi fundada no dia 15 de Novembro de 1908 pelo CABOCLO DAS 7 ENCRUZILHADAS que incorporou em um médium chamado ZÉLIO FERNANDINO DE MORAIS, que então tinha apenas 17 anos de idade.
Esse médium havia tido uma paralisia em seu corpo que não havia explicação médica; por esse motivo seus pais resolveram leva-lo para a Federação Espírita de Niterói, no Rio de Janeiro. Era a primeira vez que ele havia pisado em um centro espírita. Quando o médium incorporou o espírito e esse se identificou como sendo um índio, ele foi convidado a se retirar, já que para os dirigentes Kardecistas da época(e, infelizmente para alguns atuais), os espíritos de índios, pretos velhos e crianças, eram considerados como sendo espíritos atrasados, sem conhecimento, portanto, sem nenhum valor para o espiritismo e, quando algum médium incorporava alguns desses espíritos, os seus respectivos médiuns eram “convidados” a se retirar. Mas nesse dia aquele espírito argumentava com extrema segurança do porque tinha que se retirar e, um dos médiuns videntes da Federação ao perceber que esse espírito tinha uma luz muito forte, demonstrando um grande grau de evolução, perguntou ao espírito seu nome, e ele respondeu: “ Para quem quiser saber meu nome, me chamem de Caboclo das 7 Encruzilhadas, pois para mim não há caminhos fechados e , a partir de amanhã, estarei na casa desse aparelho para fundar uma nova religião( O qual chamou de Umbanda) onde todos os espíritos poderão trabalhar sem que sejam expulsos”. No outro dia, lá se encontravam muitas pessoas, entre curiosos, membros da Federação Espírita de Niterói, e muitos necessitados. O Caboclo das 7 Encruzilhadas atendeu ao povo, curando doenças, resolvendo obsessões e muitos outros casos. Estava sendo fundado o primeiro Templo Umbandista do mundo.

Diferenças entre Umbanda e Macumba.

Podemos definir a Umbanda Sagrada como a “Manifestação do espírito para a prática da caridade pura, e em todas as suas formas”. Portanto, por essa definição visualizamos o verdadeiro sentido dessa religião. Os verdadeiros Templos de Umbanda são aqueles :
· Onde se fala em Deus;
· Onde se prega a palavra e os ensinamentos de Jesus Cristo;
· Onde se fala da Filosofia e Doutrina Espírita ditada por Allan Kardec;
· Onde se pratica a Caridade;
· Onde não há cobrança, pois espíritos não precisam de dinheiro;
· Onde não há matança de animais, pois matar animais, que são filhos de Deus, não é fazer caridade e, matar um animal, perante Deus, é como matar qualquer ser humano;
· Onde se prega a Fé;
· Onde se prega o Amor;
· Onde se prega o Conhecimento;
· Onde se prega a Justiça;
· Onde se prega a Lei;
· Onde se prega a Evolução;
· Onde se prega a Vida.
Locais onde não se fala em Deus, Kardec, Jesus, onde há cobrança e matança de animais e onde são feitas coisas sem devido conhecimento, através da superstição, colocando o medo nas pessoas que freqüentam, esses locais são considerados como Macumbas e os seus freqüentadores e “médiuns” chamados de macumbeiros. Esses locais por terem as piores qualidades de pessoas e espíritos(já que semelhante atrai semelhante), devem ser evitados, com o risco de se ter, através das leis espirituais da “ação e reação” e do “Karma”, sérios danos às pessoas, não só no aspecto Financeiro, como Moral e Espiritual.


Orixás

Orixás, Anjos, Santos ou Espíritos Superiores nada mais são que espíritos que não estão mais em fase reencarnacionista, isto é, que alcançaram a perfeição. Orixás são arquétipos, figuras pela qual temos maior facilidade de “chegar até eles”.
Cada um é representado por uma virtude e uma cor diferente.
Resumidamente, temos:


Orixá Virtude Cor Sincretismo

Oxalá Fé Branco Jesus Cristo
Oxum Amor Rosa Nossa Senhora da Conceição
Oxossi Conhecimento Verde São Sebastião
Xangô Justiça Marrom São Jerônimo
Ogum Lei Vermelho São Jorge
Obaluayê Evolução Amarelo São Roque
Yemanjá Geração Azul Nossa Senhora

Devemos entender que cada orixá é a representação de uma virtude e, por exemplo, quando se acende uma vela de cor branca está se estimulando a Fé, quando se acende uma vela de cor rosa está se estimulando o Amor, e assim por diante....
Essas sete virtudes, de maneira afunilada, são as necessárias para que o ser humano possa alcançar a perfeição.
Deve-se entender também que se Orixás são Espíritos que alcançaram a perfeição, eles por conseqüência e lógica tem em si, conquistadas, todas as virtudes, pois, se isso não fosse verdade, não teriam alcançado a perfeição. Como exemplo, temos Jesus Cristo, que não pregou apenas a Fé, mas também o Amor, o Conhecimento, a Justiça, etc.
Então Oxalá é Jesus Cristo? Não e sim. Oxalá, por exemplo, é todo espírito que em vida pregou a Fé. Temos inúmeros exemplos de outros espíritos que quando encarnados pregaram a Fé, como Buda, Zoroastro, entre outros. Sincreticamente, para nos facilitar, associamos Oxalá com Jesus Cristo.
Muitas pessoas se perguntam, sou filho de qual Orixá? A resposta é simples. Todos nós somos filhos do Criador, que cada povo nomeia de uma maneira: Deus, Zambi, Olorum, Manitoo, Alá, e outros. Não importa! Como Ele é o único Criador, todos somos filhos Dele. Ninguém pode, por exemplo, ser filho de Xangô, já que São Jerônimo não criou ninguém e foi criado por Deus como nós, e que alcançou, através de seu livre arbítrio, o grau de perfeição, o qual um dia também alcançaremos. Portanto, dizer que se é filho desse ou daquele Orixá é um erro e quem o diz é alguém que tem total ignorância das Leis Espirituais.


Axé a todos
Emidio de Ogum
http://espadadeogum.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não somos donos da verdade, mas sim contribuintes a boa divulgação dos ensinamentos da Umbanda, caso tenha algo para acrescentar ou corrigir envie para nós.
Obrigado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Leia o Blog e Ouça este lindo Hino dos Orixás

Histórias dos Mestres

Aqui nosso E Mail mande sugestôes - espadadeogum@gmail.com

Pai Oxalá

Jesus

Conselheiros dos Guerreiros do Axé

Conselheiros dos Guerreiros do Axé
Pai Leonardo e Pai Emidio de Ogum

Rubens Saraceni e Leo das Pedreiras

Rubens Saraceni e Leo das Pedreiras
Pai Leo das Pedreiras

Eterno Mestre

Eterno Mestre
Este senhor ensinou a humildade e nunca usar um dom para ganhar algo em troca.

Mais de 10 milhões de Visitantes - Que nosso Pai Ogum ilumine seus caminhos

Pomba Gira

Oração de São Francisco por Maria Bethania

São Francisco

Oração a São Francisco